Desejo...

Desejo...
Eu sinto teus dedos passeando por todo meu contorno...(clique na imagem)

quarta-feira, 24 de junho de 2009

Volúpia


Quero-te agora...
Para que teus mais escondidos segredos me pertençam
E assim, beijar-te toda, inteira e sempre.

Quero sentir o suave fel de teus tesouros
Pois, por mais amargos que sejam...
Alucinarão-me e tornarão-me teu soberano
Ainda que escravo eterno de teus desejos .


Deliciarei-me em ti e sentirei tua boca morna
Tua língua sedosa, teus cabelos úmidos
A me desvendarem por completo.


E, nessa paixão, me excitarei ao tormento
Queimarás meu corpo, com teus beijos,
E fará com que teu fogo me consuma
E apazigue meu furor.


Porque sou teu desde que me compraste...
Com teus olhos demoníacos
Esses olhos incandescente que devastam minha alma
E me alucinam perdido e irreversivelmente.


No teu pescoço quero marcar a minha paixão
Minha boca será um inferno de suavidade e sedução
E para sempre tu me pertencerás.


Tuas mãos...Tuas mãos jamais serão esquecidas
Pois esses toques macios e fundos, que tens
Farão para sempre, de meu corpo, teu tesouro.


Renato Neves

4 comentários:

Olavo disse...

No teu pescoço quero marcar minha paixão..hummmm perfeito.
Beijos

Teu Olhar... disse...

oii Olavo...

amar e ser amada(o) é perfeito...
e sempre deixam marcas "impressas" ou não...rss

obrigada por estar aqui
beijo

ney disse...

... e o brilho do olhar a revelar o amar e ser amado. Cálido e doce, intenso em todos os sentidos. Plenitude. ney/

Teu Olhar... disse...

oii Ney...

uma imagem pode ser um poema inteiro, sem uma palavra...

obrigada por vir aqui
beijo